História
Missão
Visão
Os nossos parceiros
Quer fazer parte da nossa equipa?

Aulas
HIPOTERAPIA
Cavalos a penso

Visitas Escolares
Festas de Anos
Campos de Férias
Em Família

Empresas
Festas de Anos
Atividades

Casamentos
Festas onde quiser

:: INÍCIO | ESCOLA EQUESTRE | HIPOTERAPIA


EFEITOS TERAPEUTICOS DA EQUITAÇÃO
A equitação melhora o equilíbrio e a coordenação
Exige um empenhamento activo do cavaleiro
É uma experiência sensorial, motora e social dinâmica
Encoraja a autonomia e a tomada de decisão
Promove a auto-disciplina e melhora a auto-imagem
Promove a capacidade de comunicar e a intercomunicação social
A equitação é em si, uma modalidade desportiva reconhecida
Melhora a condição física em geral
Ensina capacidades novas
É uma actividade divertida

EQUITAÇÃO TERAPEUTICA NA ESCOLA EQUESTRE D’AVEIRO
Em 1995 começámos uma experiência muito interessante com um grupo de alunos da CERCIAV. Na altura, tudo era a primeira vez e em conjunto fomos crescendo e descobrindo o muito que se pode fazer por estas crianças. É maravilhoso e muito gratificante assistir aos progressos de umas sessões para outras, na conquista de um novo mundo.
Mais tarde juntaram-se a esta iniciativa os alunos da APPACDM e do CASCI, com os seus métodos próprios, mas onde todos trabalham para o mesmo fim comum - a evolução e satisfação de crianças com dificuldades.
Actualmente as salas de multi - deficiência das Escolas de Aveiro também frequentam uma sessão de equitação terapêutica semanal que lhes traz uma enorme satisfação e grandes progressos a diferentes níveis.
O monitor desta escola - José Maya Sêco, ciente da importância de uma maior especialização, que não só a sensibilidade e a experiência; pelo menos uma vez por ano, frequenta curso de formação para instrutores de equitação para deficientes promovidos pela FEP (Federação Equestre Portuguesa) e organizados pela RDA (Riding Disabled Association U.K.) em conjunto com a associação de equitação para deficientes do Algarve

..."PESSOAS COM NECESSIDADES ESPECIAIS APOSTAM NOS CAVALOS NA BUSCA DA RECUPERAÇÃO"
"Na Hipoterapia o cavalo é utilizado como recurso terapêutico nos mais diversos tipos de comprometimentos motores (paralisia cerebral, problemas neurológicos, ortopédicos, etc.), mentais ( Síndroma de Down) e até sociais (distúrbios de comportamento, autismo, esquizofrenia, psicoses etc.)
Nos exercícios com o cavalo trabalha-se em várias frentes. Normalização do tônus , controle da postura, coordenação de espasmos, propiocepção, estimulação táctil, autoconfiança, e auto-estima são algumas destas frentes. O contacto com o animal também incentiva a reintegração dos pacientes em actividades desportivas, sociais e de lazer com excelentes resultados. O movimento rítmico e tridimensional do cavalo, que ao caminhar desloca-se para frente, para trás, para o lado, para cima e para baixo, pode ser comparado com a acção da pele humana ao andar. Ao tentarem equilibrar-se no dorso do cavalo, os pacientes desenvolvem o próprio equilíbrio e maior coordenação motora. Os diferentes ritmos do cavalo são utilizados em cada tipo de deficiência: o passo mais lento, por exemplo provoca relaxamento e é indicado nos casos de pacientes com paralisia cerebral espástica; em crianças com o Síndroma de Down o cavalo deve trotar ou andar a passo mais acelerado, pois não se aconselha o relaxamento nesses casos.
O contacto com o cavalo no seu habitat, ao ar livre e o acompanhamento de seu modo de vida produz excelentes resultados em crianças que ajudam a escovar, pentear, limpar e até aparelhar o cavalo, descobrindo assim limites e aceitando dividir o seu espaço com o animal.

2014 Grupo Maya Seco | Todos os direitos reservados